Administração de Condomínio

20 dicas para uma gestão eficiente em 2017

por BRCondos em 09 de janeiro de 2017

Você já fez seus planos para 2017? Já anotou suas metas, objetivos e o que quer fazer para ter um ano mais próspero e bem aproveitado? Bem, isso acontece muito neste mês de janeiro e quando chegamos em dezembro a maioria das pessoas fica um pouco decepcionada por não ter conseguido cumprir nem metade do plano mental que elaborou para o novo ano.

Em uma matéria compartilhada no site Pequenas Empresas, Grandes Negócios foi proposto eliminar hábitos ruins ou invés de criar novos planos. As 12 dicas são muito boas e servem para qualquer situação, inclusive para quem cuida da gestão de condomínios. Mas como falamos aqui em gestão condominial, precisamos ser um pouquinho mais práticos e separamos 20 dicas preciosas para quem quer ter uma gestão mais eficiente em seu condomínio em 2017.

Confira, anote e pratique!

  • Seguros: exija sempre uma cópia da proposta de seguro contratado e confira com a apólice. Negocie seguros com companhias tradicionais no ramo. Conheça nossa seguradora.
  • Empregados: na escolha do empregado, deve-se entrevistar candidatos com referências e solicitar folha de antecedentes criminais. Evite ao máximo hora-extra.
  • Check-up: monte com seu zelador uma lista de itens para realização de check-up diário, semanal ou mensal para conferir o funcionamento dos equipamentos e conservação do Condomínio.
  • Contratação terceirizada: verifique a idoneidade e o tempo de mercado da empresa. Exija os comprovantes de pagamento do salário dos empregados e os tributos mensais. Se não for pago, o condomínio pode ser corresponsável. Veja em nosso post o que vale mais a pena, se a contratação direta ou terceirizada.
  • Mediação de conflitos: a mediação de conflitos é um método alternativo que pode facilitar a resolução de problemas mediante a colaboração e a integração dos moradores. Informe-se!
  • Advertência e multa: nem sempre simpática, a multa às vezes é essencial para garantir a boa convivência. É importante ser precedida de advertência verbal e escrita. Saiba aqui quais são seus direitos como condômino.
  • Documentação: os documentos do condomínio devem ser arquivados. O tempo que devem ficar guardados varia de cinco anos, como as apólices, a permanentemente, no caso de plantas do condomínio.
  • Capacitação: hoje em dia boa vontade já não basta para uma gestão eficaz, é essencial o síndico aprimorar os conhecimentos por meio de cursos e palestras de gestão condominial e suporte de uma Administradora.
  • Emergência: tenha o telefone de emergência da Polícia Militar (190), da Civil (197) e do Samu (192)
  • Reciclagem de lixo: organize a reciclagem de lixo no prédio. Os resíduos podem ser vendidos para cooperativas ou recolhidos pela concessionária de coleta de lixo. Clique e aprenda como fazer a destinação correta do lixo.
  • Telhado branco: para reduzir o aquecimento do prédio, pinte o telhado de branco. Também ajuda a diminuir a emissão de dióxido de carbono. Gera uma boa economia com energia.
  • Hidrômetros individuais: a individualização dos hidrômetros nas unidades ajuda a diminuir o consumo de água. Na BRCondos nós fazemos isso à distância e em tempo real, saiba mais.
  • Água da chuva: a construção de um sistema de captação de água da chuva para utilizar na rega de jardins e descarga de vaso sanitário economiza 30% da água potável.
  • Campanhas: faça campanhas de consumo consciente de água e energia elétrica para sensibilizar os moradores.
  • Pragas: manter a limpeza dos locais onde é acondicionado o lixo do prédio evita a infestação por ratos e baratas. Também é imprescindível  que se faça a desinsetização periodicamente. Saiba como evitar as pragas em seu condomínio.
  • Confraternização: para unir os moradores do condomínio, promova festas de confraternização em datas festivas como Dia das Crianças, Festas Juninas e Páscoa.
  • Manutenção preventiva: verificar periodicamente como estão a estrutura e o sistema hidráulico gera economia, pois reparos corretivos sempre saem mais caros.
  • Drogas: realizar palestras e atividades de conscientização sobre o mal das drogas para crianças, pais e jovens do condomínio é uma maneira eficiente de combater o uso.
  • Caixa da água e cisternas: devem estar bem tampadas e a limpeza deve ser realizada a cada seis meses.
  • Dengue: tampe bem os reservatórios de água. Não deixe potes que possam acumular água nos jardins, verifique acúmulo de água em poços de elevadores e imóveis fechados

 

Aproveite e leia mais 10 dicas sobre gestão condominial para síndicos. Se você gostou das nossas dicas, então compartilhe em suas redes sociais e não esqueça de deixar sua opinião e comentário, para falarmos mais sobre esse tema aqui no blog.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *