Administração de Condomínio

Síndico, saiba como ter uma gestão equilibrada

por BRCondos em 29 de novembro de 2016

O síndico é uma importante figura que cuida do condomínio e zela pelo patrimônio de muitas pessoas. Quem exerce a função de síndico sabe muito bem o quanto ela exige e para dar conta de tudo é preciso manter a gestão em dia, e ainda o condomínio em harmonia.

Para uma gestão ser equilibrada o síndico precisa ter um vasto conhecimento e dominar vários assuntos ao mesmo tempo. Se o síndico é um morador, ele fica mais próximo dos condôminos, e deve então aprender sobre gestão condominial. Se é um síndico profissional, conta com a experiência de gestão, e deve estreitar o relacionamento com os condôminos. Porém, são os moradores que irão definir qual a melhor opção em assembleia, pois ainda existem outros tipos de síndicos que podem assumir a função.

Você sabia que existem vários tipos de síndicos?

Dentre os vários cuidados, o síndico precisa estar atento a manutenção, finanças, administração, orçamento, legislação, comunicação e relacionamento com a administradora, fornecedores e moradores. Para equilibrar tudo ele conta com a ajuda do conselho, subsíndico, administradora e com ajuda dos próprios moradores que podem opinar e votar em decisões mais importantes.

Ao falarmos em gestão equilibrada existem algumas áreas que merecem atenção especial e que são os pilares deste trabalho de gestão.

A comunicação é uma delas. Um síndico que sabe se comunicar bem e que utiliza de recursos para melhorar a sua gestão sai sempre na frente e consegue manter os condôminos bem informados e integrados a tudo. Seja no dia a dia, em uma apresentação ou eventos rotineiros existem hoje vários recursos para ajudar.  

Cumprir com o orçamento aprovado também garante confiança à gestão do Síndico. Incluir itens depois sem ter sido planejado sempre causa desconforto e até discussões desnecessárias. Fora os casos de urgência é importante que isso não seja algo frequente, pois são os condôminos que irão pagar por gastos fora do orçamento anual.

Tudo o que é definido nas assembleias deve ser realizado pelo síndico. Para isso é legal enviar depois das reuniões um cronograma com a data e histórico de afazeres, considerando que muitas ações dependem de terceiros, é crucial deixar os condôminos sabendo disso.

Agir com transparência é essencial em qualquer circunstância. O síndico deve entender que ele é um representante legal e de todos que moram no condomínio, mas que o condomínio é de todos. Por mais que alguns moradores não se interessem é dever do Síndico prestar conta de tudo o que faz, principalmente se for relacionado ao financeiro.

Como vimos, ser síndico é uma grande tarefa que exige respeito e muita dedicação de quem assume. A BRCondos criou todo um modelo de gestão que facilita muito a vida do Síndico e que equilibra as áreas que citamos como essenciais para uma boa gestão.

Aproveite para saber mais sobre as responsabilidades de um Síndico em nossos posts especiais sobre o #diadosindico2016 comemorado dia 30 de novembro.

A responsabilidade civil do síndico.

O papel do síndico na segurança do condomínio.

O desafio de ser o síndico do condomínio.

10 dicas de gestão condominial para síndicos.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *